Preso após o VMAs, Mos Def é solto
 
Prisão aconteceu na frente do Radio City Music Hall
Prisão aconteceu na frente do Radio City Music Hall
 
O rapper Mos Def foi soltou na manhã de hoje, após ter sido preso do lado de fora do Radio City Music Hall na noite de ontem, após o Video Music Awards. Ele foi detido pela polícia de Nova York por desordem quando tentava se apresentar em cima de um caminhão.

Mos Def estava cantando o rap “Katrina Clap” – que faz críticas contra a atuação do governo Bush na época dos furacões que atingiram a costa do golfo no ano passado – para o público que estava do lado de fora do VMAs. O rapper não tinha autorização para fazer um show no local.

Segundo a polícia, o show deveria ser interrompido para a segurança da multidão que se amontoava no local por causa da premiação. Ainda não foi divulgado se ele sofrerá alguma acusação pelo incidente.

Os representantes de Mos Def alegam que a prisão do rapper foi injusta, e que ele não havia encerrado sua apresentação quando a polícia fez o pedido porque a mensagem não havia sido transmitida a ele.
Chris Brown confirma participação em "The O.C."
 
Cantor de R&B estará em seriado adolescente
Cantor de R&B estará em seriado adolescente
 
O cantor Chris Brown está se preparando para fazer sua estréia na televisão. Ele irá participar de alguns episódios da quarta temporada do seriado teen “The O.C.”, estrelado por Bem McKenzie, Adam Brody e Rachel Bilson.

“Vou estar em ‘The O.C.’”, confirmou Brown. “Eu interpreto, tipo, um nerd – estarei realmente saindo da minha personalidade. Eu era meio nerd na escola, em notas, mas , em matéria estilo, eu fui sempre popular e bacana. Mas [no programa], serei totalmente nerd”, contou.

O elenco de
O elenco de "The O.C.", na temporada passada
 
Segundo Brown, os produtores do seriado procuraram seus agentes, e ele não deixou a chance passar. Ele deve gravar sua participação em sete episódios em outubro, e pretende aproveitar o período para gravar seu segundo álbum.

Chris Brown, de 17 anos, também irá mostrar seu lado dramático no filme “Stomp the Yard”, que será lançado no começo do ano que vem.
Three 6 Mafia tenta encerrar processo de agressão em show
 
Grupo de hip-hop incentivou briga?
Grupo de hip-hop incentivou briga?
 
O Three 6 Mafia está pedindo o encerramento de um processo movido por um homem que diz ter sido agredido durante um show do grupo de rap em Pittsburgh, em agosto de 2003. Ramone Williams, que tinha 19 anos na época, diz que foi atirado ao chão, atingido com uma cadeira e pisoteado, além de ter tido seu rosto chutado.

Williams está processando o Three 6 Mafia porque alega que a agressão começou por causa da música “Let’s Start a Riot” (“Vamos Começar uma Confusão”). Mas o advogado do grupo está questionando os méritos do processo, dizendo que as letras da música do grupo estão protegidas constitucionalmente pelo direito de expressão.

O grupo de rap Three 6 Mafia surgiu em meados da década de 1990 e ganhou notoriedade neste ano, quando foi premiado com o Oscar de melhor canção por “It’s Hard Out Here for a Pimp”, do filme “Hustle & Flow – Ritmo de um Sonho”.
Começa terceiro julgamento de rapper do So Solid Crew
 
Rapper é acusado de incentivar homicídio
Rapper é acusado de incentivar homicídio
 
Começou nesta semana o terceiro julgamento do rapper Megaman, cujo nome verdadeiro é Dwayne Vincent, foi preso em novembro de 2004 após a morte de Colin Scarlett e é acusado de ter incentivado seu assassinato.

Scarlett estava saindo com uma ex-namorada de Carl Morgan, companheiro de Vincent no grupo So Solid Crew, e teria sido executado em sua casa depois de ter batido em Morgan.

Morgan foi condenado à prisão perpétua pelo assassinato. Ele admitiu ter atirado em Scarlett, alegando que a vítima havia agido de forma “desrespeitosa”. Ele também disse que Megaman o encorajou a assassinar Scarlett – acusação negada por Dwayne Vincent.

O júri do primeiro julgamento de Vincent não chegou a um veredicto, e o segundo julgamento foi cancelado quando foram descobertas novas evidências ligadas ao caso. O júri do terceiro julgamento foi avisado apenas de que o rapper está sendo processado novamente por motivos “técnicos e administrativos”.
[ ver mensagens anteriores ]